10 Indícios de que seu gato lhe ama

Diferentes dos cães, que são muito hábeis em fazer com que as pessoas entendam seus sentimentos, os gatos nem sempre são tão evidentes nem efusivos na hora de mostrar simpatia ou afeto.

LosCaninos quer ajudar você a saber o quanto seu gato ou gata gosta de você. Confira a seguir:

O gato esfrega lentamente a cabeça contra seu corpo

Receber esta demonstração de afeto é um grande privilégio no mundo dos gatos. Quando seu bichano faz isso, libera feromônios produzidos na região do focinho para expressar sua confiança e dizer que se sente seguro perto de você.

Forte ronronar

Gatos ronronam por muitos motivos, mas ao fazê-lo produzindo um som parecido a um zumbido que se espalha por todo o corpo, ele está demonstrando afeto. Além disso, durante o ronronar, a frequência cardíaca do gato diminui um pouco, o que o ajuda a relaxar e deixar-se levar pela sensação de tranquilidade e carinho.

Mordidas de brincadeira

Se o seu amigo peludo gosta de lhe morder ’de mentirinha’, existe uma grande possibilidade de que ele esteja demonstrando seu afeto. É muito fácil diferenciar uma mordida normal e uma de brincadeira: a primeira dói muito, enquanto a segunda faz apenas cócegas, e é possível perceber que o gato não morde com a intenção de se defender ou de machucar. A mordida suave não é um indício de amor tão comum entre gatos, então se o seu pet decide demonstrar assim seu afeto, é como se estivesse dizendo: ’Você é demais! Me sinto muito bem ao seu lado!’.

O gato te ’amassa’

Se você prestar atenção em gatinhos recém-nascidos, verá que eles massageiam a barriga da mãe para estimular a produção de leite. Estudiosos asseguram que, quando fazem algo similar já depois de adultos, estão sentindo uma espécie de nostalgia da infância e o ressurgimento de lembranças e sensações agradáveis. A próxima vez em que seu gato comece a massagear com as unhas a sua barriga ou seus joelhos, (aguente firme e) não pense que ele está só preparando a almofada onde irá se deitar, na verdade ele pode estar demonstrando o quanto se sente bem estando ao seu lado.

Balançar o rabo de um lado para outro

Ao observar o comportamento do rabo do gato, podemos saber muito sobre o que lhe acontece. O balançar do rabo é um método muito eloquente para expressar medo, preocupação ou estado de alerta, mas se é apenas a ponta da cauda que se move, é sinal de agrado com determinada situação ou pessoa. Se o seu gato faz isso quando você se aproxima, pode ter certeza de que neste momento seu pet tem uma sensação muito boa com relação a você.

Lamber suas orelhas ou seu cabelo

É muito incomum que isto aconteça, por isso se o seu gato decidiu honrar você com uma sessão de lambidas nas orelhas ou no cabelo, é certo dizer que você é um convidado especial no círculo social do seu gato. Este tipo de cuidado é uma das demonstrações de afeto e amizade mais indiscutíveis.

Barriga para cima!

Quando um gato começa a rolar pelo chão, o mais provável é que queira chamar sua atenção. Na natureza, os felinos mostram a barriga apenas àqueles em quem confiam completamente. A sensação de segurança tem um papel muito importante na vida felina, ou seja, se o seu gato relaxa assim perto de você ou até se permite que você o acaricie na barriga, é uma demonstração de que se sente protegido e amado.

Piscar os olhos lentamente

Os gatos fazem contato visual direto apenas com aquelas pessoas que conhecem bem e em quem confiam. Se o seu gato olha nos seus olhos e pisca lentamente, pode se orgulhar por receber algo comparável a um ’beijo de gato’. Tente responder da mesma forma, ele certamente irá entender.

Descanso dividido

Não é segredo para ninguém que os gatos gostam de cantinhos escondidos para dormir, por isso se o seu amigo peludo deitou perto de você ou nas suas pernas, é motivo para que você se sinta muito querido. Quando estão dormindo, estes pets bigodudos estão mais desprotegidos do que nunca, ou seja, se o seu gato confia a você seu sono, pode ter certeza de que ele se sente confortável e seguro ao seu lado.

Presentes

Não vamos negar que pequenos cadáveres de passarinhos ou de roedores não são o tipo de presente que um humano gosta de receber, mas um gato que mostra tal generosidade merece pelo menos algumas carícias. Ainda que o gato seja domesticado e totalmente caseiro, seu instinto de caçador continua vivo em algum lugar de seu cérebro. Ele continua querendo sair para caçar e dividir com os amigos seus troféus.

Se você tem a sorte de compartilhar sua vida com um gato ou uma gata, cedo ou tarde começará a entender o grande vínculo que existe entre eles e os humanos. De uma forma ou de outra, ronronando, lambendo ou deitando em cima de você, a natureza carinhosa e cheia de afeto do seu gato pode ser o caminho para criar uma relação muito próxima e segura entre vocês dois.

Fonte flytothesky

Tradução e adaptação: Incrível.club

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website