Por que não devemos oferecer chocolate para cachorros e gatos

A gente sabe que aquela carinha que nossos pets fazem quando estamos comendo algo é pra lá de irresistível, mas na maior parte das vezes, o melhor a fazer é resistir às carinhas e não compartilhar com cachorros e gatos a nossa comida – principalmente se o alimento em questão for chocolate.

Perigos do chocolate para cachorros e gatos

O chocolate é um alimento extremamente saboroso e, dependendo do seu tipo, pode até fazer bem para nós, seres humanos. Ele está presente em diversas receitas e é fácil de ser encontrado no mundo inteiro. No entanto, apesar de parecer inofensivo, o chocolate é muito perigoso para cães e gatos e não deve ser oferecido aos pets, mesmo que “só um pedacinho”.

Chocolate para cachorros e gatos – por que faz mal?

O chocolate integra a lista dos alimentos proibidos para cães e gatos (veja aqui), uma vez que oferece grande risco a esses animais. A responsável por tornar esse alimento um verdadeiro vilão é a teobromina, substância tóxica presente no chocolate que é facilmente metabolizada pelo organismo humano, não oferecendo riscos à nossa saúde. No entanto, o organismo dos cachorros e gatos não consegue eliminar esse componente de forma rápida e, por isso, os pets podem acabar intoxicados.

Para se ter um ideia, uma porção de 35g de chocolate ao leite consumida por um cachorro de 3kg (um Yorkshire, por exemplo), é capaz de provocar vômitos e diarreia. Com o dobro dessa quantidade, os batimentos cardíacos dos pets ficam acelerados e, se o animal consumir aproximadamente 100g de chocolate, podem ocorrer tremores e convulsões. É importante ressaltar que, se o chocolate for meio amargo, esses efeitos já aparecem com o consumo de apenas metade de cada porção, uma vez que a concentração de teobromina é maior nos chocolates mais amargos. Confira nas tabelas abaixo os efeitos do consumo de chocolate por raça:

3kg (raças pequenas)

Quantidade ingerida (chocolate ao leite) Sintomas
35g Vômitos e diarreia
70g Aumento da frequência cardíaca
100g Tremores e convulsões
170g Risco de morte

 

15kg (raças medias)

Quantidade ingerida (chocolate ao leite) Sintomas
100g Vômitos e diarreia
200g Aumento da frequência cardíaca
300g Tremores e convulsões
520g Risco de morte

 

35kg (raças grandes)

Quantidade ingerida (chocolate ao leite) Sintomas
300g Vômitos e diarreia
630g Aumento da frequência cardíaca
940g Tremores e convulsões
1500g Risco de morte

 

Bolos de chocolate, bolachas e demais doces e sobremesas à base de chocolate também são nocivos aos animais e devem ser evitados.

Existe chocolate para cachorro?

Existe, e é uma ótima saída para donos de cães pidões. Os chocolates para cachorro são seguros e livres de substâncias que possam fazer mal aos nossos pets, e o melhor de tudo: eles amam!

Fonte: Dicas Pet Love

Facebook Comments